Accueil > S’informer > Articles et traductions > O fenômeno Al Jazeera

O fenômeno Al Jazeera

, por Outras Palavras

Como a rede de TV sediada no Catar abriu espaço para debates plurais no mundo árabe, ressuscitou a reportagem e está cobrindo com coragem as revoltas populares

No dia 2 de março, em discurso perante os membros da comissão de relações exteriores do Senado norte-americano, Hillary Clinton pronunciou as palavras que o emir do Catar e os dirigentes da Al Jazeera esperavam desde 2001. Os Estados Unidos, explicou a secretária de Estado, “estão perdendo a guerra da informação” no mundo por causa dos grandes canais de TV privados norte-americanos, “que difundem milhões de spots publicitários e debates entre especialistas”, ao passo que “a audiência da Al Jazeera nos Estados Unidos vem crescendo porque ela oferece verdadeiras informações”. E Hillary acrescentou, dirigindo-se precisamente aos senadores: “Gostem disso ou não, (a Al Jazeera) é realmente poderosa”. Ela está no processo de ‘mudar as mentes e os comportamentos’” [1].

Ler mais em Outras Palavras

Notes

[1Cf. “Hillary Clinton, ‘Viewership of Al Jazeera is going up in the United States because it’s real news’”, YouTube.com, 2 de março de 2011.

Infos complémentaires

Provenance veille internationale

Type de document article

Agenda Tous les événements

S'abonner aux lettres Les dernières lettres

Suivez-nous